Four’Sann

Portugal - português - DGAV (Direção Geral de Alimentação e Veterinária)

Compre agora

Ingredientes ativos:
Peróxido de hidrogénio; Ácido Peracético
Disponível em:
Dinazoo – Produtos Pecuários e Agrícolas
Código ATC:
1.3
DCI (Denominação Comum Internacional):
Hydrogen peroxide; Peracetic Acid
Forma farmacêutica:
Solução
Via de administração:
Peróxido de hidrogénio, Ácido Peracético
Grupo terapêutico:
Peróxido de hidrogénio, Ácido Peracético
Área terapêutica:
PT 3 - Higiene Veterinária
Resumo do produto:
Embalagem(s) - 1 unidade(s) - 5 Kg 135/00/13NBVPT Autorizado Sim; Embalagem(s) - 1 unidade(s) - 30 Kg 135/00/13NBVPT Autorizado Sim
Número de autorização:
135/00/13NBVPT

Leia o documento completo

Direção Geral de Alimentação e Veterinária – DSMDS

Última revisão do texto 29 de outubro de 2013

Página 1 de 8

FOUR’SANN

Proposta de rotulagem e embalagem

Biocida de Uso Veterinário

Produto biocida do grupo 1, tipo 3 (desinfetante bactericida, fungicida e virucida),

para

utilização

equipamentos

instalações

destinadas

animais,

materiais

destinados

transporte,

locais

armazenagem

materiais

transporte

produtos de origem animal.

Composição

Peroxido de hidrogénio

157,5 g/l

Ácido paracético

58,6 g/l

Excipientes

q.b.p. 1L

Atividade:

Virucida a 1%, 30 minutos, segundo a norma NF T 72-180

Bactericida a 0,75%, 5 minutos segundo a norma NF T 72-170

Fungicida a 0,75%, 15 minutos segundo a norma NF T72-300

Características

Cor: incolor

Forma: Líquido

Odor: picante

pH: <1,20ºC concentrado

Densidade: ±1,09 g/cm3 à 20°C

Hidrossolubilidade: completamente solúvel

Ação imediata

Aplicação por canhão de espuma, termo-nebulização ou pulverização

Símbolos de perigo:

C corrosivo O: comburante

Indicações de perigo:

S1/2 : Conservar em local fechado e fora do alcance das crianças ;

Direção Geral de Alimentação e Veterinária – DSMDS

Última revisão do texto 29 de outubro de 2013

Página 2 de 8

S3/7 : Conservar o recipiente bem fechado e em local fresco ;

S13 : Manter longe dos alimentos e bebidas ;

S14 : Conservar separado de materiais combustíveis e de produtos incompatíveis

S26 :

caso

contacto

pele

olhos

lavar

imediatamente

abundantemente com água e consultar um especialista;

S36/37/39 : Usar vestuário de protecção apropriado, luvas e óculos de protecção;

S45 : Em caso de acidente ou mal estar consultar imediatamente um médico (se

possível levar consigo a embalagem).

Menções relativas ao risco – Frases de risco

R7. Pode provocar incêndios;

R20/22. Nocivo por inalação e ingestão;

R35. Provoca queimaduras graves.

PRIMEIROS SOCORROS

Por inalação: Remover a vítima para o ar livre. Se existe dificuldade na respiração

administrar oxigénio por pessoal capacitado para o efeito. Caso a respiração falhe

aplicar respiração artificial. Procurar assistência médica.

Contato com a pele: Lavar imediatamente com água corrente em abundância (10

minutos) e sabão. Retirar as roupas contaminadas. Cuidar da pele.

Contato

com

os

olhos:

Lavar

imediatamente

olhos

água

corrente

abundância (15 minutos), mantendo os olhos bem abertos e aplicar uma compressa

esterilizada. Consultar um oftalmologista com a máxima urgência.

Ingestão: Lavar a cavidade bucal com água. Beber muita água em caso de ingestão.

Não provocar vómito. Procurar assistência médica de imediato.

Em caso de indisposição: Colocar a vítima em local arejado. Utlilizar métodos auxiliares

de respiração, e se necessário chamar imediatamente um médico. Consultar a ficha

de dados de segurança disponível para os técnicos.

Telefone em caso de emergência CIAV – Centro de Informação Antivenenos: 808 250

143.

Medidas de descontaminação: Diluir pequenas quantidades derramadas em grande

quantidade de água e limpar. Recolher com materiais absorventes de líquidos (areia).

Lavar restos com água em abundância.

Meios de luta contra incêndio: utilizar água nebulizada, espuma resistente a álcool,

pó químico seco e dióxido de carbono.

USOS AUTORIZADOS: Uso profissional.

Direção Geral de Alimentação e Veterinária – DSMDS

Última revisão do texto 29 de outubro de 2013

Página 3 de 8

Instruções

de

utilização:

Todas

superfícies

devem

previamente

limpas,

modo

conveniente,

detergente

compatível

adequado, de modo a diminuir a quantidade de matéria orgânica, como solo, urina,

fezes ou sangue. Aplicar o biocida de uso veterinário tendo em conta o tipo de ação

e o tempo de contacto referido. Evitar a presença de animais e alimentos nas

áreas/divisões durante o processo de desinfecção. Como medida de segurança,

garanta que existe uma ventilação suficiente após a desinfeção. Remova qualquer

vestígio

indesejável

desinfetante

enxaguamento

abundante

água

potável.

Pode

aplicado

canhão

espuma,

termo-nebulização

pulverização,

utilizando sistema de aplicação apropriado para este tipo de produto. Virucida a 1%,

durante 30 minutos; Bactericida e fungicida a 0,75%, durante 15 minutos,

Pulverização: aplicar 0,75 L de solução desinfetante de solução por 300 m

superfície total a desinfectar

Canhão de espuma: 1L de de solução desinfetante por 300 m

de superfície

total a desinfectar

Termo-nebulização: 3 ml/m

de volume a desinfectar.

As soluções deverão ser utilizadas no próprio dia de preparação.

Armazenagem

Conservar unicamente no recipiente de origem. Manter a embalagem fechada.

Manter a embalagem à temperatura ambiente.

Eliminar o produto e embalagem conforme legislação em vigor. Não poluir a água

com o produto ou a embalagem. Respeitar as instruções de utilização para evitar

riscos para o homem ou o ambiente.

Apresentação: 5 Kg

Lote:

N.º ACM:

Prazo validade: 18 meses

Fabricado por :

Bioxal S.A. – Groupe Air Liquide

Route des Varennes, BP 72

71103 Chalon Sur Saone Cedex (France)

Tel : 0033 385 92 30 00

Fax : 0033 385 92 30 12

Direção Geral de Alimentação e Veterinária – DSMDS

Última revisão do texto 29 de outubro de 2013

Página 4 de 8

Responsável pela ACM :

Dinazoo Produtos Pecuários e Agrícolas, Lda.

Gato Preto

Estrada Nacional n.º 114,

2040-335 Rio Maior

Tel/Fax: 243 909 050/243 909 058

e-mail: contacto@dinazoo.com

Para mais informações não hesite em contactar o seu técnico

Direção Geral de Alimentação e Veterinária – DSMDS

Última revisão do texto 29 de outubro de 2013

Página 5 de 8

FOUR’SANN

Proposta de rotulagem e embalagem

Biocida de Uso Veterinário

Produto biocida do grupo 1, tipo 3 (desinfetante bactericida, fungicida e virucida),

para

utilização

equipamentos

instalações

destinadas

animais,

materiais

destinados

transporte,

locais

armazenagem

materiais

transporte

produtos de origem animal.

Composição

Peroxido de hidrogénio

157,5 g/l

Ácido paracético

58,6 g/l

Excipientes

q.b.p. 1L

Atividade:

Virucida a 1%, 30 minutos, segundo a norma NF T 72-180

Bactericida a 0,75%, 5 minutos segundo a norma NF T 72-170

Fungicida a 0,75%, 15 minutos segundo a norma NF T72-300

Características

Cor: incolor

Forma: Líquido

Odor: picante

pH: <1,20ºC concentrado

Densidade: ±1,09 g/cm3 à 20°C

Hidrossolubilidade: completamente solúvel

Ação imediata

Aplicação por canhão de espuma, termo-nebulização ou pulverização

Símbolos de perigo:

C corrosivo O: comburante

Indicações de perigo:

Direção Geral de Alimentação e Veterinária – DSMDS

Última revisão do texto 29 de outubro de 2013

Página 6 de 8

S1/2 : Conservar em local fechado e fora do alcance das crianças ;

S3/7 : Conservar o recipiente bem fechado e em local fresco ;

S13 : Manter longe dos alimentos e bebidas ;

S14 : Conservar separado de materiais combustíveis e de produtos incompatíveis

S26 :

caso

contacto

pele

olhos

lavar

imediatamente

abundantemente com água e consultar um especialista;

S36/37/39 : Usar vestuário de protecção apropriado, luvas e óculos de protecção;

S45 : Em caso de acidente ou mal estar consultar imediatamente um médico (se

possível levar consigo a embalagem).

Menções relativas ao risco – Frases de risco

R7. Pode provocar incêndios;

R20/22. Nocivo por inalação e ingestão;

R35. Provoca queimaduras graves.

PRIMEIROS SOCORROS

Por inalação: Remover a vítima para o ar livre. Se existe dificuldade na respiração

administrar oxigénio por pessoal capacitado para o efeito. Caso a respiração falhe

aplicar respiração artificial. Procurar assistência médica.

Contato com a pele: Lavar imediatamente com água corrente em abundância (10

minutos) e sabão. Retirar as roupas contaminadas. Cuidar da pele.

Contato

com

os

olhos:

Lavar

imediatamente

olhos

água

corrente

abundância (15 minutos), mantendo os olhos bem abertos e aplicar uma compressa

esterilizada. Consultar um oftalmologista com a máxima urgência.

Ingestão: Lavar a cavidade bucal com água. Beber muita água em caso de ingestão.

Não provocar vómito. Procurar assistência médica de imediato.

Em caso de indisposição: Colocar a vítima em local arejado. Utlilizar métodos auxiliares

de respiração, e se necessário chamar imediatamente um médico. Consultar a ficha

de dados de segurança disponível para os técnicos.

Telefone em caso de emergência CIAV – Centro de Informação Antivenenos: 808 250

143.

Medidas de descontaminação: Diluir pequenas quantidades derramadas em grande

quantidade de água e limpar. Recolher com materiais absorventes de líquidos (areia).

Lavar restos com água em abundância.

Meios de luta contra incêndio: utilizar água nebulizada, espuma resistente a álcool,

pó químico seco e dióxido de carbono.

USOS AUTORIZADOS: Uso profissional.

Direção Geral de Alimentação e Veterinária – DSMDS

Última revisão do texto 29 de outubro de 2013

Página 7 de 8

Instruções

de

utilização:

Todas

superfícies

devem

previamente

limpas,

modo

conveniente,

detergente

compatível

adequado, de modo a diminuir a quantidade de matéria orgânica, como solo, urina,

fezes ou sangue. Aplicar o biocida de uso veterinário tendo em conta o tipo de ação

e o tempo de contacto referido. Evitar a presença de animais e alimentos nas

áreas/divisões durante o processo de desinfecção. Como medida de segurança,

garanta que existe uma ventilação suficiente após a desinfeção. Remova qualquer

vestígio

indesejável

desinfetante

enxaguamento

abundante

água

potável.

Pode

aplicado

canhão

espuma,

termo-nebulização

pulverização,

utilizando sistema de aplicação apropriado para este tipo de produto. Virucida a 1%,

durante 30 minutos; Bactericida e fungicida a 0,75%, durante 15 minutos,

Pulverização: aplicar 0,75 L de solução desinfetante de solução por 300 m

superfície total a desinfectar

Canhão de espuma: 1L de de solução desinfetante por 300 m

de superfície

total a desinfectar

Termo-nebulização: 3 ml/m

de volume a desinfectar.

As soluções deverão ser utilizadas no próprio dia de preparação.

Armazenagem

Conservar unicamente no recipiente de origem. Manter a embalagem fechada.

Manter a embalagem à temperatura ambiente.

Eliminar o produto e embalagem conforme legislação em vigor. Não poluir a água

com o produto ou a embalagem. Respeitar as instruções de utilização para evitar

riscos para o homem ou o ambiente.

Apresentação: 30 Kg

Lote:

N.º ACM:

Prazo validade: 18 meses

Fabricado por :

Bioxal S.A. – Groupe Air Liquide

Route des Varennes, BP 72

71103 Chalon Sur Saone Cedex (France)

Tel : 0033 385 92 30 00

Fax : 0033 385 92 30 12

Direção Geral de Alimentação e Veterinária – DSMDS

Última revisão do texto 29 de outubro de 2013

Página 8 de 8

Responsável pela ACM :

Dinazoo Produtos Pecuários e Agrícolas, Lda.

Gato Preto

Estrada Nacional n.º 114,

2040-335 Rio Maior

Tel/Fax: 243 909 050/243 909 058

e-mail: contacto@dinazoo.com

Para mais informações não hesite em contactar o seu técnico

Produtos Similares

Pesquisar alertas relacionados a este produto

Ver histórico de documentos

Compartilhe esta informação